Cotas de patrocínio do futebol em debate no Senado

O que leva um time de futebol de determinada região a ter um patrocínio até 30 vezes maior que de outros lugares? É o que os senadores querem saber em Audiência pública.
Na próxima quarta-feira, 13 de junho, os senadores vão debater com jornalistas e dirigentes esportivos as  distorções nas cotas de patrocínio do campeonato brasileiro, independente da série. A iniciativa dos senadores Paulo Davim (PV-RN) e Paulo Paim (PT-RS) ganhou o apoio da Comissão de Educação, Cultura e Esporte do Senado Federal. A audiência ocorrerá às 10h, na Comissão de Educação, Cultura e Esporte, no Senado Federal.
Atualmente há uma concentração regional na distribuição do dinheiro arrecadado pela confederação Brasileira de Futebol. Os clubes do Norte, Nordeste e parte da região Sul recebem bem menos verbas dos direitos de imagem. Mesmo clubes centenários, líderes em conquistas estaduais e vencedores de séries nacionais são discriminados na hora do rateio do patrocínio.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima