Famílias de Barra de Santana enviam carta à presidente da República

carta oiticica

carta oiticica

A comunidade de Barra de Santana, no município de Jucurutu, local onde está sendo construída a barragem de Oiticica, preparou uma carta aberta à presidente da República, Dilma Rousseff. Duas cópias da carta, contendo 262 assinaturas de moradores de Barra de Santana, foram entregues à deputada federal Fátima Bezerra e ao assessor da Secretaria Geral da Presidência República, Ubirajara Augusto, na residência do arcebispo de Natal, dom Jaime Vieira Rocha, na manhã desta segunda-feira (09).

Ambos se comprometeram em entregar a carta ao Ministro da Integração Nacional, Francisco Teixeira. Participaram também do encontro bispo de Caicó, dom Antônio Carlos Cruz Santos; a deputada federal Fátima Bezerra; o deputado estadual Fernando Mineiro; o assessor da Presidência, Ubirajara Augusto, e o agrônomo Procópio Lucena, do Serviço de Apoio aos Projetos Alternativos Comunitários (SEAPAC), organismo da Igreja Católica, que vem acompanhando as famílias atingidas pela construção da barragem de Oiticica.

“Como a presidente não veio, tivemos contatos com lideranças do estado e com o assessor da Presidência para entregar a carta. Fizemos isto, porque sabemos que as obrigações para com as famílias e para os que possuem terras na Barra de Santana não estão sendo levadas em conta”, explica o arcebispo de Natal.

“Da mesma forma que foi feito um diálogo estadual, a carta reivindica um contato com o governo federal, já que são os dois governos envolvidos na situação na construção da barragem. Lembramos que ninguém é contra a construção da barragem. O que está em jogo é que as pessoas não foram ouvidas e nem respeitas em seus direitos”, afirma o bispo de Caicó, dom Antônio Carlos.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima